Ads


Programa Mais leite Introduz a Inseminação Artificial em Bovinos

O Programa mais leite da PM Marco/SDE trabalha nas comunidades de Marco com serviço de inseminação artificial desde 2018. O programa introduziu a técnica com objetivo de melhoramento genético de seus rebanhos de gado leiteiro aumentando a qualidade, produtividade e mais rendas para as famílias que participam.
A introdução da técnica de Inseminação Artificial em bovinos iniciou em junho de 2018 com 30 participantes “Além da melhora genética, o Programa também funciona no sentido de ajudar os criadores que não possuem o touro e querem tirar cria, "quando se tem duas ou três vacas, não vale a pena ter o touro somente para ter a cria” explica o veterinário Marcilio Araújo Médico veterinário / consultor do Sebrae. 
Para participar do programa basta o produtor procurar a SDE que será feito um cadastro e em seguida uma visita de nossos técnicos e do consultor a propriedade, caso seja viável os animais serão cadastrados, diagnosticados e em seguida um plano de ação (ou plano de manejo). Marcilio explica ainda que para realizar a inseminação, é preciso estar atento a alguns requisitos técnicos importantes. “Sempre orientamos os produtores quanto aos horários mais apropriados para realizar o procedimento, que dependem da observação do cio. 
As vacas observadas em cio pela manhã deverão ser inseminadas à tarde do mesmo dia, as que são observadas em cio à tarde devem ser inseminadas no dia seguinte, logo pela manhã. A partir da data da inseminação, com trinta dias será feito um diagnóstico com o uso do ultrassom para confirmar a gestação, após confirmado contam-se 9 meses e 15 dias para o nascimento do bezerro” destaca o técnico. Alguns animais que foram inseminados logo no início do Programa já tiveram seus terneiros, como é o caso da vaca leiteira dos proprietários João Moreira, que deu à luz recentemente a um bezerro da raça girolanda de uma vaca de 40 kg de leite.

Nenhum comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.