Ads


Ceará investiga 218 casos de microcefalia associada ao zika

O Ceará investiga 218 casos suspeitos de microcefalia relacionada ao vírus zika, conforme boletim epidemiológico divulgado na última terça-feira (26) pela Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa). No total, foram notificados no Estado 229 casos suspeitos em 56 municípios, dos quais sete foram descartados e quatro, confirmados, tendo um deles resultado na morte de uma criança.

Os municípios com o maior número de ocorrências em investigação são Fortaleza, com 76 casos (34,9% dos casos em todo o estado); Maracanaú, com 30 casos (13,8% do total); e Maranguape, com 13 casos (6%).

Há uma semana, segundo o boletim da Sesa divulgado em 18 de janeiro, foram notificados 216 casos suspeitos da anomalia em 51 cidades do Ceará. Dos notificados, 208 ocorrências estavam sob investigação.

Nenhum comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.